Em Tupanciretã, homem é assassinado na praça Leandro Kruel

No sábado (28), próximo das 12h e 30min,  na praça Leandro Kruel, em Tupanciretã, um homem foi assassinado. A Brigada Militar e a Polícia Civil isolaram a área. O relato de pessoas que viram o fato, uma moto teria se aproximado, e o condutor disparou várias vezes contra a vítima. Não foi divulgado a identidade … Leia Mais


Brigada Militar deflagra Operação Hóplitas em Júlio de Castilhos

O 1º RPMon através dos policiais militares de Júlio de Castilhos, realizaram a operação hóplitas nas áreas urbana e Rural do município. A operação foi efetuada em locais com maiores índices de criminalidade e visa ações de policiamento ostensivo e preventivo, através de pontos base, barreiras policiais e fiscalização de estabelecimentos comerciais, visando dar maior … Leia Mais


Fogo em vegetação mobiliza Bombeiros Voluntários em Tupanciretã

Um incêndio em vegetação mobiliza guarnição dos Bombeiros Voluntários na região do complexo industrial de Tupanciretã, no final da tarde da ultima quarta-feira (25) OCORRÊNCIA…INCÊNDIO EM VEGETAÇÃO Data: 25/01/2023  Hora: 17:25 Localização: lateral rua que acessa o Complexo Agroindustrial Chamada gerada pela vigilância de empresa no CT A equipe alfa ao chegar constatou que o … Leia Mais


Presídio Estadual de Júlio de Castilhos reforma galeria

Na última sexta-feira (20), foi concluída a reforma nas nove celas da única galeria do Presídio Estadual de Júlio de Castilhos (PEJC). A melhoria, feita integralmente por mão de obra prisional, partiu de iniciativa da direção da unidade prisional, que apresentou projeto à Vara Judicial da Comarca do Município, que disponibilizou a verba para os … Leia Mais


EEEM Dr. Júlio Prates tem cozinha arrombada e furtada

Arrombaram na ultima quarta-feira (18) a EEEM Dr. Júlio Prates em Júlio de Castilhos e além de alimentos, furtaram um liquidificador de três litros. Nem tinha tirado da caixa. Apelo pois alguém oferecer um liquidificador novo não compre , denuncie à policia


PRF atende acidente tipo capotamento manhã deste domingo, 22, na BR 158 em Santa Maria


Segundo a PRF houve um capotamento no local no início da manhã de domingo. Uma Saveiro emplacada em Santa Maria capotou após saltar pelo quebra-molas instalado nas cercanias da passarela, Km 327 da BR 158, sentido Uglione – Urlândia.

O passageiro da caminhonete ficou levemente ferido e foi socorrido pelo SAMU. O motorista recusou realizar o teste do etilômetro. Ele irá responder criminalmente por lesão corporal culposa na direção de veículo automotor.

Fonte e fotos PRF


4° Batalhão de Bombeiro Militar presta apoio à Defesa Civil do município de Santa Maria


Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Sul (CBMRS), por meio do 4° Batalhão de Bombeiro Militar (4° BBM), está prestando apoio à Defesa Civil do município de Santa Maria no transporte de água (não potável) para dessedentação produtiva. Diante do período de estiagem e com as chuvas abaixo da média, os danos causados afetam os municípios gaúchos que decretaram situação de emergência. Em Santa Maria os prejuízos causados são principalmente na agricultura e pecuária. Deste modo os militares do 4° Batalhão de Bombeiro Militar, realizam semanalmente o transporte até as propriedades do interior do município, fazendo assim abastecimento de reservatórios de água conforme listas de prioridades emitidas pela Defesa Civil municipal.

Fonte Texto e fotos por: Comunicação Social SODC/4ºBBM

 


Caso Rafael: Mãe é condenada a 30 anos de prisão


Foto: Créditos: Márcio Daudt

Alexandra Salete Dougokenski foi condenada a 30 anos e 2 meses de reclusão e 6 meses de detenção pela morte do filho, Rafael Winques. Após três dias de trabalhos, o Conselho de Sentença acolheu a tese da acusação, considerando a ré culpada pelos crimes de homicídio qualificado, ocultação de cadáver, falsidade ideológica e fraude processual.

O Tribunal do Júri foi presidido pela Juíza de Direito Marilene Parizotto Campagna e integrado por quatro juradas e três jurados.

Cabe recurso da decisão.

Penas

Homicídio qualificado: 28 anos de reclusão
Ocultação de cadáver: 1 ano e 2 meses de reclusão
Falsidade ideológica: 1 ano de reclusão
Fraude processual: 6 meses de detenção
Pena total: 30 anos e 2 meses de reclusão e 6 meses de detenção

A magistrada manteve a prisão preventiva da ré.

Caso
De acordo com a denúncia, Rafael foi morto entre a noite de 14/05/20 e a madrugada de 15/05/20. A mãe estaria inconformada com o fato de o menino estar desobedecendo as suas ordens, brincando no celular até tarde. Alexandra teria ministrado na criança duas doses de Diazepam e, com o menino ainda desacordado, o estrangulou com uma corda de varal. Transportou o corpo até o terreno vizinho, depositando-o dentro de uma caixa. O desaparecimento de Rafael gerou a comoção da comunidade, que auxiliou nas buscas. Nesse período, alguns suspeitos, como o próprio pai do menino e o namorado, dela foram investigados.

Até  que, dez dias depois, Alexandra apontou aos policiais o local onde estaria o corpo. Inicialmente, ela disse que matou o menino sem querer. Depois, em novo interrogatório, assumiu o dolo.

Já a defesa dela sustentou que Rodrigo Winques, pai de Rafael, era o autor do crime. No seu interrogatório, hoje mais cedo, ela disse que o ex-companheiro e um comparsa foram até a casa dela, naquela madrugada, com o objetivo de levar o menino embora. Rafael teria se debatido e Rodrigo o segurou e amarrou com uma corda, asfixiando a criança. A mãe teria sido obrigada a acompanhar a dupla até o terreno ao lado da casa dela, onde o corpo foi colocado.

Alexandra também acusou o pai de Rafael de cometer violência doméstica e sexual contra ela, enquanto viviam juntos, e de ser um pai ausente.

Júri
O júri popular teve início na segunda-feira (16/01), no Foro da Comarca de Planalto. Em plenário, foram ouvidas 10 testemunhas e informantes, entre eles, familiares da ré, Delegados, professoras de Rafael e o pai dele, Rodrigo.

O interrogatório de Alexandra aconteceu na manhã de hoje e foi seguido pelos debates, que se estenderam até a noite. Por volta das 23h30min, a Juíza Marilene fez a leitura da sentença.

Pela defesa, atuaram os Advogados Jean Severo, Filipe Trelles e Mayara Juppa. Pela acusação, representaram o Ministério Público os Promotores de Justiça Diogo Taborda, Marcelo Tubino e Michele Dumke, além do Assistente de Acusação, Advogado Daniel Tonetto.

Confira mais imagens do júri no Flickr do TJRS


Cachorro fica com cabeça presa em grade e é resgatado pelos bombeiros Voluntários em Tupanciretã


Um cachorro ficou com a cabeça presa em uma grade de proteção e precisou ser resgatado pelos Bombeiros Voluntários, na noite da ultima terça-feira (17), no Bairro Pedreira I, em Tupanciretã.

Os bombeiros precisaram cortar a barra de ferro da grade da residência para liberar a cabeça do cão. O animal não teve ferimentos e ficou sob os cuidados da moradora.

TIPO

DESENCARCERAMENTO DE ANIMAL DOMÉSTICO

DATA

17/1/2023

18/1/2023

HORA

INICIAL

23:25

FINAL

0:15

LOCALIZAÇÃO

Rua José de Alencar 

Bairro Pedreira I

CHAMADA

Moradora

DESCRIÇÃO

  • A equipe ALFA ao chegar no local constatou que um cão domesticado tentou invadir uma residência e ficou preso na grade do portão;

  • Usando o equipamento serra sabre foi executado dois corte em haste metálica do portão e liberado o animal;

  • Após a verificação de o mesmo não tinha sofrido qualquer lesão foi liberado

VEICULOS

EQUIPAMENTO: Serra sabre 

EQUIPE

ALFA com 2 bombeiros voluntários  

Fonte e fotos UBVT -Bombeiros Voluntários Tupanciretã


Bombeiros Voluntários capturam cobra peçonhenta em recinto do hospital de Tupanciretã


Bombeiros Voluntários de Tupanciretã, na manhã desta terça-feira (17) em operação de captura de animal peçonhenta em Tupanciretã, junto ao hospital de caridade Brazilina Terra de Tupanciretã

TIPO

CAPTURA DE ANIMAL COM PEÇONHA

DATA

17/01/2023

17/01/2023

HORA

INICIAL

07:05

FINAL

7:45

LOCALIZAÇÃO

Av. Serafim Bravo

Região central de Tupanciretã

 

HOSPITAL DE CARIDADE BRASILINA TERRA

CHAMADA

Setor de enfermagem solicitou a retirada deste animal

DESCRIÇÃO

A equipe ALFA do CBVT (Corpo de Bombeiros Voluntários de Tupanciretã)  operacionalizou a captura, transporte e destinação a área ambiental adequada.

ESPECIFICAÇÃO

Cobra – cruzeira (Bothrops alternatus) com cerca de 90 cm

EQUIPE

ALFA com dois bombeiros voluntários

Fonte e fotos UBVT Bombeiros Voluntários Tupanciretã