Seminaristas que serão ordenados diáconos neste domingo 1º de agosto.

No próximo dia 01 de agosto, serão ordenados quatro novos diáconos para a Igreja aa arquidiocese de Santa maria. Celso Jochua Tsambi: natural de Inharrime, Moçambique. Da paróquia São Maximiliano Maria Kolbe. É membro da Sociedade do Apostolado Católico, Palotino. Douglas Giuliani Durigon: natural de Fortaleza dos Valos, RS. É membro da Sociedade do Apostolado … Leia Mais




Coluna61: Estrada Iluminada: Nilton Moreira: O Poeta falou há 42 anos.


Em 1979, num dos momentos de inspiração, um poeta escreveu: “o que será o futuro que hoje se vai, a natureza as crianças e os animais…; quem briga com a natureza envenena a própria mesa…; quem sabe um museu no futuro vai guardar em lugar seguro, um pouco de ar puro relíquia, do ano passado…”. Certamente ele teve a visão do futuro da Terra, este Planeta que habitamos e que há muito tempo temos maltratado, agindo como se houvesse outro nos mesmos moldes para nos mudarmos depois de destruirmos tudo aqui.

          Certa ocasião participamos de um dos Encontros Verde das Américas, e tivemos a satisfação de conhecer o Cacique Raoni, o qual palestrou no evento, e uma das alegações dessa personalidade era de que via com tristeza a maneira pela qual estavam tratando a Terra, com destruição de florestas, poluição de rios e desvio de seus cursos.

          Felizmente nos dias atuais a maioria dos chefes de estado das grandes potências chegaram à conclusão de que se faz necessário redução na emissão de gazes poluidores da atmosfera.

          Mas foi necessário que a natureza se vingasse mostrando efetivas reações e até catastróficas, para que o homem finalmente tomasse um rumo na preocupação com assunto tão fundamental à sobrevivência da raça humana.

          Grandes frigoríficos hoje já recusam-se abater bovinos que tenham procedência de regiões que foram palco de destruição de área florestal para criação dessa espécie. 

          As queimadas ainda acontecem, mas em menor quantidade. O saneamento básico já tem marco regulatório, as baleias já desfilam sua exuberância pelos mares sem serem abatidas, já podemos notar os resultados dos reflorestamentos e a reciclagem é uma realidade, esta que foi vislumbrada pelo químico Lavoisier no século XVII, ocasião que disse: “na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”.

          Por outro lado se somos espíritos Criados para sermos eternos, e muitas reencarnações deveremos estar aqui neste Planeta, temos de conservá-lo, enterrando o mínimo de lixo, pois dado o tempo que levam alguns resíduos sólidos para decompor-se, certamente poderemos no futuro ter uma Terra evoluída moralmente e com tecnologia, mas porém com um solo bastante poluído e contaminado por certos tipos de agrotóxicos.

          Que bom que o poeta teve uma visão há 42 anos e nos alertou! Cabe agora continuarmos a perseverar na qualidade do Planeta para o bem da humanidade.


Núcleo de Mulheres Empreendedoras da ACCIJUC recebe convidado especial


O Núcleo de Mulheres Empreendedoras de Júlio de Castilhos, ligado a Associação Comercial Cultural e Industrial de Júlio de Castilhos – ACCIJUC e a Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul – FEDERASUL, realizou mais um belo encontro com foco no desenvolvimento de negócios.

Nesta oportunidade, o grupo recebeu o convidado Jair Fasolo, proprietário da Fasolo Consórcios, hoje com 9 lojas no estado do RS e com mais de 50 colaboradores, com sua experiência compartilhou conhecimentos de cultura organizacional, técnicas de vendas e engajamento de equipe.

Com energia em alta, Jair envolveu o grupo que já se movimenta para pôr o aprendizado em prática.

 

Fonte e foto Comunicação ACCIJUC


Dada largada da 8ª fase Projeto Flores para Todos em Júlio de Castilhos


O Projeto Flores para Todos chega a 8ª fase com novidades. A iniciativa que está colorindo o Brasil com as flores traz novidades e alternativas de renda aos produtores familiares do país. O “start” desta nova fase foi dado na Escola Nossa Senhora Aparecida, no interior de Júlio de Castilhos/RS, a primeira escola a ingressar no Projeto Flores para Todos, em 2018, e de lá pra cá participou em todas fases.

Depois do projeto Flores para Todos ter beneficiado duas escolas em Júlio de Castilhos, nesta terça-feira (27) o plantio será num produtor de Júlio de Castilhos que se interessou em cultivar os gladiolos. Esse será mais um município beneficiado na oitava fase do projeto.

Na oitava fase do Projeto Flores para Todos, serão 16 municípios que realizarão o cultivo de gladiolos (em 16 produtores e 3 escolas rurais), 18 municipios realizarão o cultivo de girassois italianos (17 produtores e uma escola rural), 7 municípios realizarao o cultivo de statice e 6 municipios realizarao o cultivo de dálias (4 Produtores, uma prefeitura e uma escola). Desde a primeira fase, em 2018, o projeto Flores para Todos já alcançou 109 famílias rurais e 16 escolas do campo em 8 estados brasileiros, com uma produção de mais de 90 hastes florais de gladiolo, 25 mil hastes florais de statice e 2 mil hastes florais de girassol.

O Projeto Flores para Todos é uma realização das Equipes PhenoGlad em todo Brasil e já alcançou 99 famílias rurais e 16 escolas de campo em 84 municípios de sete estados brasileiros desde 2018.

O modelo PhenoGlad é um modelo matemático desenvolvido na UFSM, em Santa Maria, com a participação e colaboração da UNIPAMPA – campus Itaqui, UFSM – campus Frederico Westphalen e UFSC – campus Curitibanos para simular a fenologia do gladíolo.

Fonte Equipe PhenoGlad  Fotos Reprodução Equipe PhenoGlad em rede social


Estudantes intercambistas visitam a Câmara de Vereadores de Júlio de Castilhos


Na manhã de quarta-feira, 21 de Julho, o Presidente do Legislativo, vereador Antônio Derlei da Silva (Franja – MDB), e o 1º Secretário, vereador José Waihrich Neto (Zé – PP), receberam a visita das estudantes intercambistas Anatércia Arrone e Yesenia Calsina.
Anatércia tem 23 anos, é de Moçambique e cursa o 6º semestre de Enfermagem na Universidade Adventista da Bahia. Yesenia tem 27 anos, é da Bolívia, e cursa o 4º semestre de Nutrição na Universidade Adventista de São Paulo.
As estudantes estão em Júlio de Castilhos há cerca de quatro semanas, promovendo o Intercâmbio Cultural, projeto social desenvolvido pela Rede Adventista de Educação, em parceria com a Casa Publicadora Brasileira e o Serviço Educacional Lar e Saúde. Através deste projeto, as estudantes dedicam suas férias para conhecer culturas diferentes, aprender por meio da trajetória de profissionais de diversas áreas de trabalho e trocar experiências com a comunidade.
“A finalidade do projeto é auxiliar os jovens que não têm condições financeiras a darem continuidade a seus estudos, através do qual, durante as férias, os estudantes visitam algumas cidades, onde conhecem um pouco de sua cultura, estilo de vida, contatam alguns profissionais e famílias, conhecendo sua história, carreira, e também desafios superados para a construção de seus sonhos. Através destas histórias de vida buscamos inspiração e motivação para seguirmos em busca dos nossos ideais.”, relatou Anatércia.

 

Fonte e foto por: Assessoria imprensa Câmara  por: Carla Fonseca –


Castilhense Lucia de Oliveira é 2º lugar na Corrida Posto Pillon em Santa Maria


Realizado no ultimo domingo (25), a 1ª edição da Corrida do Posto Pillon 2021 em Santa Maria, promovida pela União dos Corredores de Rua de Santa Maria (UCRSM). Corredores competiram no Distrito Industrial de Santa Maria, palco da Corrida do Posto Pillon

Júlio de Castilhos e Tupanciretã estiveram bem representada na Corrida do Posto Pillon 2021, em Santa Maria. A atleta Lucia de Oliveira de Júlio de Castilhos conquistou o 2º lugar na prova feminina de 1,80 KM, com tempo de 00:11:08. A prova foi vencida pela atleta Thauana Paveglio Correa da cidade de São Luiz Conzaga.

A atleta castilhense Lucia de Oliveira vem se destacando como uma das maiores corredores de rua da cidade e da região, sendo destaque também em corrida virtual como a prova promovida pela União dos Corredores de Rua de Santa Maria (UCRSM) em 2020, onde participaram diversos atletas Masculinos de várias cidades de todo o Brasil, Lucia de Oliveira foi a campeã, com o trajeto Júlio de Castilhos ao trevo de Tupanciretã e voltou com tempo de 11:04:30 totalizando 46 km.

Matheus Ellers de Tupanciretã da equipe Ideia Fixa, ficou em primeiro lugar na classificação geral masculina da prova de 1,80 KM na categoria Masc.- De 30 a 34 anos – 1987 / 1991 com o tempo de 00:06:29.

O atleta Wendell Farias Pivetta de Tupanciretã, conquista o 1º lugar  na categoria Masc.- De 25 a 29 anos – 1992 / 1996 da prova de 6,04 KM