Projeto 100+ Cotirjuc leva informações para produtores aumentarem a rentabilidade das lavouras


Mais de 300 produtores participaram, entre os meses de julho e agosto, da primeira etapa do “Projeto 100+: desenvolvimento e produtividade para a sua lavoura render mais”. Ao todo, foram nove encontros, que reuniram produtores, especialmente aqueles que plantam áreas de até 100 hectares.  As reuniões aconteceram em três localidades de Júlio de Castilhos – Três Mártires, Ramada e Céu Azul – e nas cidades de Pinhal Grande, Quevedos, Ivorá, na região central, e São Gabriel, Aceguá e Bagé, na região sul.

Na programação, os produtores receberam informações técnicas para qualificarem suas lavouras, aumentando a produtividade e, consequentemente, a rentabilidade. As explanações foram conduzidas pelo coordenador do campo tecnológico da Cotrijuc, Felipe Michelon, que apresentou dados obtidos nas áreas experimentais da cooperativa e compartilhou orientações sobre posicionamento de cultivares de soja. “O intuito é auxiliar o produtor na tomada de decisão no momento da escolha da cultivar. São cinco anos de dados compilados e transformados em informação para os cooperados”, afirmou.

As tecnologias disponibilizadas pela Cotrijuc, como os aplicativos [email protected] e Smartcoop, também estiveram em pauta nesta primeira fase do Projeto 100+. O gerente de inovação e varejo, Maicon Buzzati, falou sobre as funcionalidades das plataformas, que contribuem para a modernização e otimização da gestão das propriedades. A Ello e Getagri, parceiras da Cotrijuc na área de assistência técnica, fizeram parte dos roteiros, apresentando seus serviços, assim como as empresas Corteva, Piratini, Bayer, Timac, BASF, FMC e Mosaic, com os seus portfólios.

Conforme a gerente de insumos da Cotrijuc, Rosmari Jovanowichs, o Projeto 100+ é uma iniciativa que vem para aproximar ainda mais a cooperativa dos associados, buscando alternativas para auxiliar os pequenos e médios produtores a qualificarem e ampliaram suas lavouras.

A segunda etapa teve início neste mês de setembro, com mais nove encontros, onde está sendo abordada a temática plantabilidade em soja. As atividades são teóricas e práticas e estão sendo conduzidas pelo especialista em plantabilidade Marcos Haerter.

Fonte e fotos por: Divulgação: ASCOM Cotrijuc (DaraHamann)