Novo meio-campista colorado, Musto é apresentado e revela: ‘quando surgiu a possibilidade de vir, não tive dúvidas’


Anunciado como reforço colorado no penúltimo dia de 2019, Damián Musto foi oficialmente apresentado no final da manhã desta quinta-feira (09/01). O meio-campista argentino, que estava no Huesca, da Espanha, concedeu entrevista coletiva no CT Parque Gigante após participar das atividades que abriram o segundo dia de pré-temporada colorada, e aproveitou para exaltar a possibilidade de vestir o manto alvirrubro: “estou em uma instituição muito grande. Quando surgiu a possibilidade de vir, não tive dúvidas”.

A coletiva de apresentação do atleta foi iniciada por volta das 12h, com a fala do vice-presidente de Futebol do Clube, Alessandro Barcellos. O dirigente elogiou o novo reforço colorado, definido como um jogador de grandes qualidades e muita experiência. Na mesma linha seguiu Rodrigo Caetano, ao destacar o perfil de liderança de Musto, entendido como um de seus diferenciais. Ao encerrar seu comentário, o diretor executivo passou o microfone ao mais novo meio-campista colorado, que definiu: “venho para somar em um grupo já muito qualificado. Não falta matéria-prima para que consigamos alcançar os objetivos”.

Confira os principais trechos da coletiva:

Alessandro Barcellos:

“É com grande satisfação que estamos aqui apresentando o Musto, nosso reforço para esta temporada. Trata-se de um atleta que tem uma grande experiência em jogos internacionais, de muita força e qualidade. Chega para nos ajudar com todos estes atributos, tendo a confiança do nosso treinador, com quem já trabalhou.”

“Seja bem-vindo, Musto. Terás aqui um Clube muito passional, de muita paixão em sua torcida, e eu tenho certeza que, com as tuas características e a tua forma de trabalhar, este será um ano muito bom para ti e para todos nós.”

Rodrigo Caetano:

“Musto tem um histórico com o Chacho, sim, mas desde antes já era monitorado, não apenas pelo nosso Clube. Neste primeiro ano, está conosco por empréstimo, mas nenhum atleta é contratado pelo Clube sem a nossa expectativa de fique mais tempo.”

“Em termos de características, eu tenho certeza absoluta de que, pelo que vimos fora de campo, e também dentro, nestes poucos dias, Musto tem um perfil de liderança. Ele tem um altíssimo nível cognitivo, um diferencial que sempre buscamos no mercado.”

“Ele fez um esforço, voltou da Europa, então seja bem-vindo! Boa sorte, contamos demais contigo dentro de campo, e também com essa liderança que exerce do lado de fora.”

Rodrigo Caetano (E), Musto e Alessandro Barcellos (D)

Damián Musto:

“Obviamente, da instituição, sei que é muito grande. Quando chegou a possibilidade de vir, não tive dúvidas, fui rápido em decidir que era importante voltar a sentir a adrenalina que se tem neste continente, neste país, a maneira como sentem o futebol. E, principalmente, como sente o torcedor do Inter. É um Clube que a torcida vive intensamente.”

“Venho para somar, muito feliz com a oportunidade, e espero conseguir coisas com a equipe e comissão. Já vi cortes de partidas, conheço como jogam os companheiros, e sei que é um plantel com grandes atletas. Agora, precisamos formar uma família para conseguir os objetivos, mas não falta matéria-prima.”

“A Libertadores é uma competição diferente de todas. Começaremos em uma fase preliminar, onde se precisa jogar muito com a cabeça, e é necessário dar tudo de si. O objetivo, hoje, é passar do primeiro desafio. Vamos dessa maneira, mirando a cada jogo, determinados e focados. Assim, poderemos buscar grandes coisas.”

“Sou um volante de primeiro passe, gosto de sair jogando, ajudar a construir desde o início, sendo opção e rompenho linhas. Fisicamente, acredito em manter um ritmo de pressão rápido, intenso, que sempre aperte o rival.”

“Assim que surgiu a possibilidade, falei com Chacho. Ele me contatou e enviou vídeos, cortes, para que entendesse como a equipe trabalha, ofensiva e defensivamente, as características dos atletas. O que vi foi que temos grandes jogadores, inclusive na minha posição, com volantes muito bons.”

“D’Alessandro e Guiñazú tem uma carreira no Inter que fala por si só. Atletas famintos por vitórias, títulos, que não se conformam. São espelhos, exemplos. Aqui, quero fazer meu caminho, deixar algo. Todos os dias, desde que cheguei, o primeiro que estava no CT era o D’Alessandro. E isso não é por acaso. Precisamos deste trabalho, com alegria, com determinação, com confiança. Isto é fundamental para alcançarmos coisas.”

“O primeiro contato com o vestiário foi excelente. Me encontrei com o grupo ontem, e senti isso, todos trabalham, muito, e com alegria. Um elenco que cerra os dentes e vai até o final. Agradeço por como me receberam. A estrutura é muito boa, vou até demorar para aprender o nome de todos (risos), mas todas as pessoas com quem tive contato me ajudaram muito, desde antes de desembarcar aqui. Estou agradecido por isso.”

Ficha do atleta:

Nome: Damián Marcelo Musto

Nascimento: 09/06/1987

Natural: Casilda (ARG)

Altura: 1,83m

Carreira:

2006 | Quilmes

2008 | Atlético Tucumán (ARG)

2010 | Spezia (ITA)

2011 | Olimpo (ARG)

2014 | Rosário Central (ARG)

2017 | Tijuana (MEX)

2018 | Huesca (ESP)

Fonte portal Internacional