MTG cria departamento de bem estar animal


Vanderlei mostra proteção nos bretes para evitar atrito com madeira.  — Foto: Giovani GrizottiVanderlei mostra proteção nos bretes para evitar atrito com madeira.  — Foto: Giovani Grizotti

Vanderlei mostra proteção nos bretes para evitar atrito com madeira. — Foto: Giovani Grizotti

O Movimento Tradicionalista Gaúcho decidiu criar o Departamento de Bem Estar dos Animais. A ideia partiu do vice-presidente campeiro Vanderlei Rosa (foto) e já tem resultados práticos: na Festa Campeira do Rio Grande do Sul, realizada no fim de semana passado, em Xangri-Lá, várias medidas foram adotadas para minimizar o impacto das provas naquelas que são consideradas as estrelas desse tipo de evento: um sistema de gotejamento foi criado no brete para refrescar os bois e proteções de borracha foram colocadas na saída e no final da cancha, para evitar o atrito entre os animais e as estruturas.

A ideia de Rosa é fazer com que iniciativas como essas sejam condição para a a emissão do certificado que libera as pistas de laço para a prática de rodeios, tarefa que cabe ao MTG. Ele também pretende organizar seminários no estado para discutir outras possíveis medidas que buscam conscientizar autoridades e ONGs de que os tradicionalistas são os principais interessados em conciliar proteção aos bichos com tradição.

Gotejamento refresca animais durante as provas — Foto: Giovani GrizottiGotejamento refresca animais durante as provas — Foto: Giovani Grizotti

Gotejamento refresca animais durante as provas — Foto: Giovani Grizotti

Fonte Repórter Farroupilha Portal G1/RS