Equipe Simanihot e Escola N. Sra. Aparecida fazem convite ao Reitor da UFSM


Por: Equipe Simanihot

O diretor da Escola Nossa Senhora Aparecida, José Alencar Zanon, fez a entrega do convite ao Reitor da UFSM, Paulo Burmann, junto do prefeito de Júlio de Castilhos/ RS, João Vestena (ao centro).

Uma hora de viagem, cerca de 80km. Esta é a distância entre a comunidade de São João dos Mellos, interior de Júlio de Castilhos, e o campus da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). O trajeto foi percorrido na manhã de quinta-feira, 11 de abril, pelo diretor e a coordenadora pedagógica da Escola E.F. Nossa Senhora Aparecida, professores José Alencar Zanon e Deise Barbieri. O prefeito de Júlio de Castilhos/RS, João Vestena também se somou aos educadores para serem recebidos no gabinete do reitor da UFSM, em uma reunião.

Assim como eles, os coordenadores das Equipes Simanihot, PhenoGlad e a Gerência Regional de Santa Maria da Emater/RS- ASCAR participaram do encontro, que serviu para estreitar relações e prestar um convite formal ao reitor da UFSM, Paulo Afonso Burmann, para o I Dia de Campo da Escola Nossa Senhora Aparecida, no dia 10 de maio de 2019. A solenidade durou cerca de 1h e teve um desfecho positivo com a confirmação do mandatário da universidade no Dia de Campo.

O prefeito de Júlio de Castilhos/RS, João Vestena, relata estar impressionado com a “envergadura que toma este projeto ( o Dia de Campo)”, disse. Vestena afirma que a iniciativa favorece o desenvolvimento da comunidade, ele acredita que é preciso “mostrar para a sociedade, aos participantes, do quanto é importante levar experiências na área da agricultura familiar ao jovem do campo em atos contínuos, fora da sala de aula. É um projeto fantástico, de uma inclusão social enorme”, destaca.

Entendendo o papel social do ensino superior para a comunidade, o reitor da UFSM, Paulo Burmann, saúda as atividades desenvolvidas pelas equipes Simanihot e PhenoGlad em localidades como São João dos Mellos. “Trabalhar com as escolas, crianças e jovens, especialmente do interior, que tem mais dificuldades no acesso a informações é uma estratégia que já vem dando resultado, no que toca a motivação e abre novas perspectivas para os estudantes, para os professores e para a comunidade local”, ressalta.

Burmann complementa que essas ações refletem no futuro da universidade, pessoal e das comunidades. Para ele “é preciso que continuemos e ampliemos esta ideia de estarmos articulando com estes jovens que futuramente guardam a expectativa de estarem em uma universidade, Isso é muito importante. Desde cedo comecem a trabalhar o conhecimento de uma forma mais acessível e entendendo que a UFSM está muito próxima deles, que não é um sonho inatingível, mas que fundamentalmente sejam pessoal voltadas e comprometidas com o desenvolvimento da sua comunidade também”, enfatiza o reitor da UFSM.

Por fim Burmann destaca, “estamos apostando com convicção junto aos coordenadores do projeto, e professores da universidade que atuam fortemente neste espaço. Por isto, estaremos presente dia 10 de maio, em São João dos Mellos”, reforça.

O coordenador da Equipe Simanihot, Nereu Streck, saúda a receptividade da reitoria e o engajamento da universidade com a iniciativa. “É importante reunião como esta. Um aspecto que se pode ressaltar é do intuito de se desenvolver dias de campo voltados para a agricultura familiar em escolas, dentro das comunidades”, disse Streck. O coordenador ainda lembra que não há registros de eventos deste tipo realizados por instituições de ensino fundamental e básico, mas sim em empresas, centros de pesquisas, em lavouras de produtores e em universidades.

O “I Dia de Campo – Alternativas para a agricultura familiar” acontece no dia 10 de maio, na comunidade de São João dos Mellos, interior de Júlio de Castilhos/RS. Mais informações na página da Equipe Simanihot.

Também de longe…

Quem veio de longe e também participou da reunião na tarde de quinta-feira, 11, foi uma comitiva vinda de Dilermando de Aguiar/RS. Representantes da Secretaria de Educação e da direção da Escola Municipal Valentim Bastianello vieram cumprimentar o reitor da UFSM e fazer o convite para o dia de campo que a entidade estará realizando em agosto. Além do convite, a diretora do colégio, Luciane Bello, enaltceu a parceria com a Emater e a universidade.

Estiveram presentes na reunião, o prefeito de Júlio de Castilhos, João Vestena; o chefe de gabinete da prefeitura de Dilermando de Aguiar, Upiragibe Ferrari Pinheiro; o gerente adjunto da Emater Regional de Santa Maria, José Renato Lovato Cadó; o diretor da Escola Nossa Senhora Aparecida, de Júlio de Castilhos, José Alencar Zanon; a diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Valentim Bastianello, de Dilermando de Aguiar, Luciane Bello. Pela UFSM, participaram do ato o diretor do Centro de Ciências Rurais, Sandro Luis Petter Medeiros, o diretor do Colégio Politécnico, Valmir Aita, e o coordenador dos projetos PhenoGlad e Simanihot, Nereu Streck.

Mesa do gabinete do reitor estava cheia de autoridades.

Texto: Lorenzo Franchi- Fluída Assessoria de Comunicação

Fotos: Patrício Contreras