Fora de casa, Grêmio é superado pelo CRB e quebra sequência de invencibilidade. Tricolor sofreu o revés no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Partida terminou em 2 a 0 para os donos da casa

O Grêmio entrou em campo na noite deste sábado, em Maceió, para enfrentar o CRB, em jogo válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Desta vez, o resultado não foi positivo e o Tricolor acabou superado pela equipe alagoana por 2 a 0, com gols assinalados de pênalti por Diogo Silva, no primeiro … Leia Mais


Inter perde nos pênaltis e se despede da CONMEBOL Sul-Americana

Foto: Ricardo Duarte Depois de novo empate sem gols no tempo normal, o Inter foi eliminado pelo Melgar-PER, nos pênaltis, na fase de quartas de final da CONMEBOL Sul-Americana. O Clube do Povo voltará a campo no próximo domingo (14/08), às 19h, pelo Brasileirão. No Beira-Rio, o Colorado enfrentará o Fluminense Primeiro tempo 0min – QUAAAAAAAAAAAAASE O … Leia Mais


Petrobras reduz preços de venda de diesel para distribuidoras

A partir desta sexta-feira, 12 de agosto, o preço médio de venda de “diesel A” da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 5,41 para R$ 5,19 por litro, uma redução de R$ 0,22 por litro. Considerando a mistura obrigatória de 90% de “diesel A” e 10% de biodiesel para a composição do diesel comercializado … Leia Mais




21ª rodada do Brasileirão, o Internacional foi derrotado pelo Fortaleza, na noite do ultimo domingo (07/08), por 3 a 0


Inter foi superado no Castelão/Foto: Ricardo Duarte

Em partida da 21ª rodada do Brasileirão, o Internacional foi derrotado pelo Fortaleza, na noite deste domingo (07/08), por 3 a 0. Lucas Crispim, Hércules e Robson marcaram os gols do duelo, disputado no Castelão. Agora, o Clube do Povo volta atenções para a CONMEBOL Sul-Americana. Na próxima quinta-feira, às 19h15, o Colorado decidirá como mandante uma vaga nas semifinais da competição. Clique aqui e confirme presença no duelo contra o Melgar-PER.

Bola parada é decisiva para o Fortaleza

Inter foi a campo repleto de mudanças/Foto: Ricardo Duarte

Muita transpiração, pouca inspiração. Assim pode ser definido o primeiro tempo da partida deste domingo, marcado por excessivos erros dos dois lados. Enquanto o Fortaleza pecava pelo individualismo, que dificultava o andamento de suas jogadas, o Inter, escalado de maneira bastante modificada em relação às últimas partidas, pouco conseguiu acionar Alan Patrick, atleta mais criativo do meio de campo colorado. Quando ativado, contudo, o 10 armou boas chances para o Clube do Povo.

Alan Patrick criou boas jogadas no primeiro tempo/Foto: Ricardo Duarte

Aos 9, Alan fez o corta-luz, facilitando a chegada da bola em Romero. Do centroavante ela partiu para Pedro Henrique, que tinha espaço à disposição e cruzou. Fechada demais, a tentativa de assistência encobriu a meta tricolor e saiu pela linha de fundo. Depois, aos 25, o próprio Patrick lançou PH, que de novo levantou na área. Desta vez, na medida para Romero, que cabeceou por cima.

Aos 29, o atacante Romarinho foi expulso após xingar a arbitragem. A partir daí, os ânimos ficaram extremamente acirrados, e tanto as faltas quanto os cartões viraram regra. Simpático às ambições mandantes, o roteiro picotado resultou em gol de bola parada para o Fortaleza. Lucas Crispim, às vésperas do intervalo, foi quem marcou em cobrança direta e precisa feita pela intermediária de ataque.

Romero estreou como titular no Inter/Foto: Ricardo Duarte

Segundo tempo

Mano fez quatro trocas ainda no intervalo. Taison, Edenilson, Renê e Alemão começaram o segundo tempo em campo, substituindo David, Liziero, Thauan Lara e Romero. As mudanças deixaram o Inter mais ofensivo, mas também ofereceram o contragolpe para o Fortaleza, que marcou o segundo com Hércules, aos 21, e o terceiro em jogada de contragolpe. Lançado na área colorada, Robson finalizou para o gol aberto e deu números finais à partida.

Primeiro tempo

9min – Depois de corta-luz de Alan Patrick, Romero inverte o jogo pelo chão. Pedro Henrique recebe na quina direita da grande área e tenta o cruzamento fechado, mas a bola toma muita força e sai pela linha de fundo.

11min – UH! Inter escapa em contragolpe rápido. David percebe Johnny nas costas da marcação e dá o passe em profundidade para o volante, que tenta o cruzamento rasteiro. A zaga afasta.

13min – Lucas Sasha invade a área colorada pela direita e chuta rasteiro. Na rede – de fora.

25min – POR CIMA! Alan Patrick recebe com espaço pelo corredor central de ataque e serve linda bola para PH. Pela direita, o 28 leva a melhor em cima da marcação e cruza para Romero, que cabeceia por cima. Boa chegada!

29min – NA RUA! Romarinho é expulso por reclamação.

31min – Romero recebe o amarelo por antijogo.

35min – Thauan amarelado.

36min – CANTO BOLA! Thauan recebe bom passe pela esquerda e tenta o cruzamento rasteiro. Benevenuto corta pela linha de fundo.

37min – Festival de cartões! Ronald recebe o amarelo.

40min – Mais uma amarelo, agora para Johnny.

41min – Com desvio, Capixaba cobra falta frontal em direção ao gol colorado. Escanteio para o Fortaleza.

43min – Liziero amarelado.

44min – Crispim abre o placar para o Fortaleza.

45min – Mais três. Vamos a 48 no primeiro tempo.

48min – Intervalo no Castelão.


Segundo tempo

0min – Quatro mudanças no Inter: Edenilson, Taison, Alemão e Renê nas vagas de Liziero, David, Romero e Thauan.

2min – Moisés invade a área colorada pela esquerda, aposta na jogada individual e bate cruzado. Keiller toca na bola com a ponta dos dedos, e ela sai em escanteio.

4min – POR CIIIIMA! Linda bola de Taison para Renê, que cruza rasteiro. Mesmo desequilibrado, Pedro finaliza com perigo.

10min – VALEU! De fora da área, Pedro Henrique arrisca de perna canhota. Fernando Miguel se estica para defender.

13min – Alan Patrick é amarelado.

17min – Pena por Kaique: feita a última troca colorada.

18min – NA TRAVE! Edenilson recebe de Pena, deixa dois marcadores para trás e cruza fechado. A bola beija o poste e sai em tiro de meta.

19min – Crispim e Ronald deixam o campo. Entram Hércules e Zé Welison no time da casa.

20min – Por detalhe, PH não domina lançamento de Pena, que o deixaria cara a cara com Fernando Miguel.

21min – Hércules amplia o placar.

27min – Robson invade a área colorada pela direita e chuta abafado por Keiller. Escanteio.

28min – Inter trama bonito na frente, com Taison, Alan Patrick e Edenilson. O camisa sete recebe na entrada da área e chuta cruzado, de direita. Fernando Miguel encaixa.

30min – Robson se aproxima da meta colorada a dribles, ganha ângulo para a perna direita e enche o pé. Tiro de meta.

38min- Robson marca o terceiro.

40min – Depietri vem, Moisés vai. Mudança nos mandantes.

45min – Mais quatro. Vamos a 49.

46min – Fabrício e Lucas Lima são as últimas novidades no Fortaleza. Robson e Sasha deixam o gramado.

49min – Jogo encerrado.

Fonte SC Internacional Fotos: Ricardo Duarte


Com gols de Villasanti e Biel, Grêmio vence o Guarani e sobe na tabela. Em Campinas, Tricolor venceu os donos da casa por 2 a 1


O Grêmio entrou em campo na noite desta sexta-feira, para enfrentar o Guarani, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, São Paulo. Buscando os três pontos para se consolidar ainda mais no G-4, o Tricolor venceu os donos da casa pelo placar de 2 a 1, garantindo uma invencibilidade de 15 jogos seguidos no Brasileirão. Os gols foram assinalados por Villasanti na etapa inicial e Biel, na complementar. João Victor descontou nos acréscimos.

Com o resultado, o Grêmio soma três pontos e chega a 40, ocupando a segunda posição na tabela da competição logo após a partida. 

Foi um início movimentado, com o Tricolor superior, pressionando a todo momento e buscando o campo de ataque. Logo, já levou perigo a meta adversária, quando Diego Souza foi acionado dentro da área, dividiu com a marcação, mas caiu – nada foi assinalado. Logo de imediato, a equipe de Roger Machado chegou novamente, desta vez em cobrança de escanteio. Campaz colocou na área, Lucas Leiva subiu sozinho e desviou de cabeça, mas a bola não entrou por detalhe. 

O jogo seguiu melhor para os gremistas e aos 8 minutos, Biel recebeu um passe pelo meio, fez o domínio e finalizou, mas a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo. Em resposta, os donos da casa tentaram pela direita, com Nicolas Careca, que tentou um cruzamento, mas sem sucesso, parando na defesa tricolor. 

Foi aos 18 minutos, em uma jogada pelo meio, que o Grêmio abriu o marcador: Villasanti trabalhou com Diego Souza e arriscou de fora da área, mandando no canto esquerdo da meta adversária. 

Já o Guarani seguiu buscando igualar a contagem e chegou aos 26’, com Vilela, que dominou no meio e chutou colocado, mas mandou pra fora. Seis minutos depois, Campaz foi quem levou perigo, chutando rasteiro, mas a bola saiu raspando a trave direita. Em seguida, Biel finalizou de fora da área, Kozlinski espalmou e Guilherme ainda tentou a sobra, mas a zaga cortou. 

Aos 38’, os paulistas tiveram uma grande chance quando Nicolas Careca foi acionado dentro da área, mas Brenno se antecipou e fez a defesa, impedindo a sequência do lance. Em seguida, Person ganhoi da marcação, cruzou para trás, para Nicolas, que arrematou, mas não passou por Geromel, que cortou de cabeça pela linha de fundo. 

Nos acréscimos, mais uma grande chance adversária, após cobrança de falta, Derlan subiu mais que a defesa e desviou a gol, obrigando uma grande defesa de Brenno. 

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação para a etapa final, que seguiu mais equilibrada, tanto que uma das primeiras chances do Tricolor surgiu aos 10’, quando Guilherme trabalhou com Nicolas, que tentou avançar, mas a marcação cortou pela linha de fundo. 

Cinco minutos depois, os donos da casa chegaram com muito perigo com Person, que arriscou da intermediária e fez Brenno voar para outra grande defesa, espalmando a escanteio. 

O técnico Roger Machado então providenciou suas duas primeiras mudanças na equipe, com Elkeson e Janderson, nos lugares de Diego Souza e Campaz, aos 17’. 

O jogo seguiu mais disputado e por vezes, o Guarani chegou com perigo. Passados 25’, houve uma sequência de escanteios, mas a defesa gremista afastou. Devido a um choque com o atacante adversário, Nicolas saiu, para a entrada de Diogo Barbosa. 

O segundo gol gremista saiu aos 30’, quando Elkeson recebeu, protegeu e acionou Guilherme que deu um lindo passe para Biel dentro da área. O atacante finalizou, mandando para o fundo das redes e ampliando a contagem.  

Mais duas mudanças no Tricolor: Thaciano e Thiago Santos ocuparam os lugares de Guilherme e Lucas Leiva, aos 32’. 

Na reta final, o jogador Rodrigo, do Guarani, deu uma cabeçada em Biel, que caiu em campo, mas após análise do VAR, não houve cartão. Nos últimos segundos, após cobrança de escanteio, os paulistas descontaram com João Victor, que conseguiu subir bem e desviar para o gol. 

Com o resultado, o Grêmio soma três pontos e chega a 40, ocupando a segunda posição na tabela da competição logo após a partida. 

O próximo compromisso do Tricolor será na terça-feira, às 19h, na Arena, diante do Operário. 

Fonte Grêmio  FBPA Fotos: Lucas Uebel Grêmio FBPA 


Petrobras reduz em 20 centavos preço do Diesel para distribuidoras


A Petrobras vai passar vender o Diesel para as distribuidoras pelo valor médio de R$ 5,41 centavos por litro, a partir desta sexta-feira (5). O novo preço representa uma redução de 20 centavos em relação ao valor anterior.

Com isso, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor, que corresponde a quase 70% do valor final, passará de R$ 5,05, em média, para R$ 4,87 a cada litro vendido na bomba.

Segundo a empresa, essa redução acompanha a evolução dos preços de referência, que se estabilizaram em patamar inferior para o diesel, e é coerente com a prática de preços da Petrobras.

 Os consumidores podem acompanhar informações da Petrobras referentes à formação e composição dos preços de combustíveis ao consumidor no endereço: precos.petrobras.com.br .

Fonte: Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Adalto Gouveia.


Inter empata sem gols no jogo de ida das quartas da CONMEBOL Sul-Americana. Empate de zero a zero com o Melgar no jogo de ida das quartas de final da Sul-Americana


Inter ficou no zero a zero com o Melgar/Foto: Ricardo Duarte

Fora de casa, o Inter atuou por mais de meia-hora com um jogador a menos, mas segurou o empate de zero a zero com o Melgar no jogo de ida das quartas de final da CONMEBOL Sul-Americana. Disputado a partir das 19h15 desta quinta-feira (04/08), o confronto, que teve como palco o Estádio Monumental da UNSA, abriu a disputa por uma vaga nas semifinais do continente.

A partida de volta entre Inter e Melgar está prevista para as 19h15 da próxima quinta (11/08). No Beira-Rio, o Inter jogará junto do Beira-Rio lotado em busca da classificação, mas, antes disso, voltará a campo pelo Campeonato Brasileiro. Às 18h de do domingo (07/08), o rival será o Fortaleza, no Castelão, pela 21ª rodada nacional.

Jogo da volta será no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

Mandantes pressionam

Adaptado à velocidade da bola na altitude e apoiado por sua torcida, o Melgar controlou as ações no início da partida – embora Bustos, logo a dois minutos, tenha criado uma grande chance após tabela com Alemão. Forte pelo corredor direito de ataque, o time da casa apostava nos escapes do lateral Ramos para sobrecarregar a bola aérea da defesa colorada. Artilheiro da CONMEBOL Sul-Americana, Cuesta era o alvo dos cruzamentos, e obrigou Daniel a fazer três boas intervenções ainda antes dos 15.

Daniel fez grandes defesas em Arequipa/Foto: Ricardo Duarte

O grande milagre do primeiro tempo, porém, pertenceu a Cáceda, goleiro peruano que brilhou para impedir gol de Wanderson aos 11, instante em que o Inter, com Mauricio, Pena e Edenilson, fora bem sucedido no contragolpe. Gradualmente, o Clube do Povo começava a anular o ímpeto mandante, que pouco voltou a assustar nos minutos que antecederam o intervalo. Na frente, Bustos apareceu com perigo na reta final do primeiro tempo, mas teve suas duas tentativas de cruzamento cortadas pela zaga.

Inter segura a pressão com um a menos

Colorado cresceu ao longo da etapa inicial/Foto: Ricardo Duarte

Menos frequentes do que no início do primeiro tempo, mas mais perigosos do que às vésperas do intervalo: assim podem ser definidos os ataques do Melgar na quinzena de minutos que reabriu a partida. Semelhante à outrora, isso sim, foi a segurança de Daniel, que seguiu abreviando qualquer sonho artilheiro da equipe peruana. O roteiro do confronto só foi transformado a partir dos 18, quando Alemão recebeu o cartão vermelho.

Mano respondeu à inferioridade numérica com as duas primeiras trocas da noite. Alan Patrick e PH vieram a campo nas vagas de Mauricio e Wanderson, redesenhando o Inter no sistema 4-4-1. Vértice ofensivo, o camisa 10 tinha a missão de dosar o ritmo colorado em campo, e quase teve seu retorno de lesão consagrado com assistência no minuto 31, quando serviu Edenilson, que parou em milagre do goleiro rival.

Alan Patrick voltou de lesão/Foto: Ricardo Duarte

Nos minutos finais, Johnny e Liziero ainda foram a campo para reforçar o poder de marcação do Colorado, que passou a conviver com diversos atletas adversários em sua área, mas nenhum com espaço para fazer a diferença. Assim, o Inter garantiu a manutenção da igualdade, resultado que torna qualquer vitória no jogo de volta, previsto para as 19h15 da próxima quinta-feira (11/08), suficiente para a classificação do Clube do Povo.

Primeiro tempo

0min – Cuesta arrisca de fora da área, e Daniel encaixa sem rebote.

2min – PRA FOOOOOOOOOOOOORA! Bustos recebe de Pena, faz grande tabela com Alemão e solta a bomba de dentro da área. Assustou!

6min – Seguro, Daniel! Depois de cruzamento da direita, Cuesta faz o desvio na primeira trave, e goleiro colorado encaixa.

7min – DANIEL! Cuesta, de cabeça, desvia para o chão, e obriga o goleiro colorado a fazer grande defesa. Na sobra, Vitão afasta o perigo.

10min – Depois de escanteio cobrado pela esquerda, Deneumostier cabeceia com liberdade, mas no centro do gol. Daniel defende.

10min – Mais uma boa defesa de Daniel, em nova finalização de Cuesta.

11min – MILAAAAAAAAAAAAGRE DO GOLEIRO! Mauricio arma o contragolpe colorado, que também passa por Pena antes de chegar a Edenilson. Com enorme tranquilidade, capitão faz a assistência de calcanhar para Wanderson. Camisa 11 invade a área e solta o canhotaço, mas Cáceda salva.

15min – De fora da área, Pérez Guedes tenta de perna canhota, mas coloca muita força. Tiro de meta para Daniel.

16min – TÁ EM DIA! Da entrada da área, Mauricio solta o canhotaço com curva. Assoviando o poste, ela sai por cima.

29min – Alemão recebe o amarelo. Chegou com força no lateral adversário.

37min – Inter chega pela esquerda! Depois de inversão feita por Edenilson, Wanderson aciona Mauricio, que bate travado. Na sequência, lance á paralisado por impedimento.

40min – QUE PERIGO! Bustos recebe excelente pivô de Alemão e tenta o cruzamento em duas ocasiões. Travado pela zaga, depois é advertido por amarelo. O motivo? Perigo de gol.

45min – De cabeça, Bordacahar desvia com perigo na pequena área colorada, mas ela sai por cima.

45min – Vamos a 47. Mais dois!

47min – Intervalo em Arequipa!

Segundo tempo

1min – DA-NI-EEEEEEEEEL! Com desvio, Arias finaliza da entrada da área, pela direita. Bola ameaça tomar o caminho do gol, mas paredão faz a defesa.

5min – Iberico entra no Melgar. Sai Bordacahar.

7min – Edenilson cruza bola perigosa na área peruana. Mercado desvia, mas com muita força. Tiro de meta.

11min – De fora da área, Pena arrisca de perna canhota. Forte demais, a bola sai por cima.

12min – Cuesta impede contra-ataque colorado. Amarelado!

15min – DANIEEEEEEEEL! Depois de escanteio cobrado curto, goleiro colorado voa de mão trocada e faz o milagre.

18min – Alemão é expulso.

20min – Alan Patrick e Pedro Henrique são as primeiras novidades no Inter. Saem Mauricio e Wanderson.

21min – Melgar-PER também muda: Quevedo e Sánchez vêm, Cabrera e Pérez vão.

28min – Vidales é a última novidade peruana. Lazo deixou o campo.

31min – SAAAAAAAAAAAAALVA O GOLEIRO! Alan Patrick, que assistência! Camisa 10 deixa Edenilson cara a cara com o Cáceda, e ele finaliza de canhota, mas para em milagre do rival.

36min – Sánchez solta a bomba da entrada da área, Daniel espalma com autoridade.

39min – Johnny é a terceira novidade no Inter! Sai Pena.

44min – Liziero é a última troca de Mano. Sai Edenilson.

45min – Cinco minutos de acréscimo.

49min – Deneumostier atropela Alan Patrick, e também recebe o amarelo.

50min – JOGO ENCERRADO NO PERU!

Ficha técnica:

Melgar-PER (0): Cáceda; Ramos, Deneumostier, Lazo (Vidales) e Reyna; Orzán, Arias e Pérez Guedes (Sánchez); Bordacahar (Iberico), Cuesta e Cabrera (Quevedo). Técnico: Pablo Lavallén.

Internacional (0): Daniel; Fabricio Bustos, Mercado, Vitão e Renê; Gabriel, Carlos de Pena (Johnny), Edenilson (Liziero), Mauricio (Alan Patrick) e Wanderson (Pedro Henrique); Alemão. Técnico: Mano Menzes.

Cartões amarelos: Cuesta e Deneumostier (M). Alemão e Bustos (I).

Cartões vermelhos: Alemão (I).

Arbitragem: Andres Matonte apita, auxiliado por Nicolas Tarán e Martin Soppi. Quarto árbitro: José Burgos. Árbitro de Vídeo: Leodan Gonzalez.

Estádio: Monumental da UNSA-PER.

Fonte: SC Internacional Fotos: Ricardo Duarte


Cresol e Federação Gaúcha de Futebol arrecadam mais de 10 mil agasalhos para campanha social


O estádio Montanha dos Vinhedos, do município gaúcho de Bento Gonçalves (RS) foi o palco da final da divisão de acesso do Campeonato Gaúcho de futebol masculino, no último dia 24 de julho. Mas além da disputa, a final do campeonato também conclui outra grande iniciativa que vai além do campo de futebol, a campanha “Dê um Drilble no Frio”. A iniciativa foi uma parceria entre a Federação Gaúcha de Futebol e a Cooperativa Financeira, Cresol, que teve como finalidade arrecadar agasalhos para serem distribuídos entre entidades que atendem pessoas carentes.

A campanha, iniciada junto com a realização das finais do Gauchão A2, ao longo de pouco mais de um mês mobilizou oito estádios que sediaram os jogos das finais, além da própria Sede da Federação em Porto Alegre (RS) e cerca de 100 agências da Cresol espalhadas pelo Rio Grande do Sul, como pontos de arrecadação. No total foram arrecadados mais de 10 mil agasalhos que serão distribuídos para cerca de 50 entidades.

Representantes da Cresol Rio Grande do Sul estiveram presentes na final do Gauchão A2 para prestigiar as duas equipes que disputaram o título e, o superintendente Rui André Steffens, aproveitou a ocasião também para agradecer a participação de todas as pessoas que contribuíram com as doações.

Da mesma forma, o presidente da Cresol, Cledir Magri, também comemorou o sucesso da parceria com a Federação Gaúcha, chamando a atenção para a importância de iniciativas como a da campanha.

“Além da disputa em questão, entre times que representam municípios gaúchos e que por meio do esporte trazem entretenimento e um momento de leveza para as pessoas, esse é o tipo de “jogo” onde todos saem ganhando: ganha quem doa, ganha quem recebe, ganha a Cresol, a Federação e as outras entidades, que fazem essa ponte para unir quem pode ajudar com aqueles que estão precisando. Na Cresol nós sempre apoiamos o esporte por acreditar que é um instrumento importante de transformação social, essa campanha mais uma vez nos provou isso”, reforça Cledir.

Tour da Taça

E para concluir a campanha, o público de três cidades terá a oportunidade de ver de perto a Taça de Campeão do Gauchão A2 Cresol. O Troféu passará pelas agências de Porto Alegre e Veranópolis e pelo centro administrativo da Cresol Rio Grande do Sul, com sede em Bento Gonçalves, ficando disponível para visitação. 

Sobre a Cresol

Com 27 anos de história, mais de 720 mil cooperados e 700 agências de relacionamento em 17 estados, a Cresol é uma instituição financeira que está se consolidando entre as principais cooperativas financeiras do País. Com foco no atendimento personalizado, a Cresol fornece soluções financeiras para pessoas físicas, empresas e empreendimentos rurais. Em 2021, a cooperativa encerrou o ano com R$ 16,8 bilhões em ativos e destacou sua solidez entre as instituições financeiras cooperativas.

Fonte: CRESOL – Pipah Comunicação