Festividades Carnaval de Tupanciretã estão canceladas para o ano de 2021

Os preparativos e festas para a realização do Carnaval é algo muito valorizado pela nossa comunidade, não é a toa que totalizam 11 Blocos e entidades carnavalescas em Tupanciretã. Porém, com a pandemia da COVID-19, essas festividades foram suspensas para o ano de 2021, afirmou o Prefeito Municipal e também secretário de Cultura, Gustavo Terra, … Leia Mais



Universidade de Cruz Alta na campanha de vacinação contra a Covid-19

A Universidade de Cruz Alta se aliou ao Ministério da Saúde na campanha de vacinação contra a Covid-19, no Programa Nacional de Imunização (PNI). A ação contará com o apoio do segmento da Educação Superior em todo o país. Até o momento, são 152 instituições engajadas. Em relação à adesão da Unicruz, a pró-reitora de … Leia Mais




Estado inicia processo de abertura de novos leitos para atender pacientes da Covid-19


O governo do Estado inicia, nesta quarta-feira (13/1), o processo de abertura de novos leitos de UTI e de reativação de leitos de UTI que haviam sido fechados. A medida foi tomada porque a Secretaria da Saúde projeta aumento do número de casos de Covid-19 neste verão. Para suprir a eventual demanda, 100 leitos serão abertos e reativados, e 68 novas unidades ficarão de retaguarda operacional, para serem habilitadas conforme necessidade.

Os municípios de Cruz Alta e Osório serão os primeiros a disponibilizar os novos leitos nesta quarta (13). No Hospital São Vicente de Paulo, em Osório, serão abertos 10 unidades em UTI. O mesmo número será inaugurado no Hospital São Vicente de Paulo de Cruz Alta. Todas estarão disponíveis por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Há, ainda, previsão de entrega de mais 80 leitos novos e reativados em Pelotas, Porto Alegre e Canoas. Outros 68 de retaguarda serão abertos em Porto Alegre.

Macrorregião Missioneira

Classificada em bandeira vermelha na 36ª rodada do modelo de Distanciamento Controlado, a região Covid de Cruz Alta tem, até esta terça-feira (12/1), 32 leitos de UTI adulto (18 leitos SUS e 14 leitos privados), dos quais 22 estão ocupados. Há, ainda, 211 leitos clínicos para atendimento da Covid-19 na região, dos quais 16 estão ocupados.

A região Covid de Cruz Alta pertence à macrorregião Missioneira, que comporta 167 leitos de UTI adulto – 137 leitos SUS e 30 privados. O percentual de ocupação, nesta terça (12), é de 74,9% (125 leitos ocupados). Há 978 leitos clínicos para atender a doença, dos quais 147 estão ocupados.

Desde o início da pandemia, a macrorregião Missioneira colocou mais 74 leitos de UTI em funcionamento, todos para tratar exclusivamente Covid.

Macrorregião Metropolitana

Também em bandeira vermelha na 36ª rodada do modelo de Distanciamento Controlado, o município de Osório pertence à região Covid de Capão da Canoa. Na região, são 52 leitos de UTI adulto, dos quais 51 são de atendimento SUS e um é privado. No total, 47 estão ocupados nesta terça (12). Há, ainda, 77 leitos clínicos de UTI adulto na região.

A região Covid de Capão da Canoa se situa na macrorregião Metropolitana. São 1.372 leitos de UTI adulto, dos quais 990 são leitos SUS e 382, privados. Nesta terça (12), 78,8% estão ocupados. Há 2.107 leitos clínicos disponíveis para atender pacientes da Covid-19.

Desde o início da pandemia, a macrorregião Metropolitana colocou mais 497 leitos de UTI exclusivamente Covid em funcionamento.

HOSPITAIS COM LEITOS NOVOS E REATIVADOS

• Hospital São Vicente de Paulo (Osório) – 10
• Hospital São Vicente de Paulo (Cruz Alta) – 10
• Hospital Universitário São Francisco (Pelotas) – 10
• HPS de Porto Alegre – 10
• Hospital Vila Nova (Porto Alegre) – 16
• Hospital Restinga (Porto Alegre) – 10
• Hospital Universitário (Canoas) – 15
• Hospital Beneficência Portuguesa de Porto Alegre – 19

HOSPITAIS COM LEITOS OPERACIONAIS DE RETAGUARDA

• Hospital Cristo Redentor (Porto Alegre) – 18
• Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre – 30
• Hospital de Clínicas (Porto Alegre) – 20

Texto: Suzy Scarton Imagem ilustrativa Reprodução SES/RS


Monitoramento Covid-19 em Júlio de Castilhos de 04 a 08 de Janeiro


Monitoramento dos dados da Covid-19 em Júlio de Castilhos/RS de 04 a 08 de janeiro de 2021

Relatório semanal elaborado pelo Instituto Federal Farroupilha e Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Saúde.

Projeto, coordenado pela médica Viviane Martins Schmitz, juntamente com os servidores do IFFAR-JC, professoras Luciani Missio e Tanisia de Carli Foletto, a enfermeira Katiele Hundertmarck e o dentista Marcelo Totti, e da SMS, a operadora de sistemas Simone Zago e médico José Antônio Nunes Razia,


Cruzaltenses poderão retirar guia do IPTU online


A prefeitura de Cruz Alta buscando medidas para evitar o covid-19, inovou no sistema de pagamento do IPTU. As guias tanto para o pagamento em cota única ou parcelado podem ser retiradas através do portal do cidadão (cruzalta.atende.net) ou solicitadas pelo whats app 55 3321 1308.  Em cota única o contribuinte tem até 20% de desconto se não tiver dívida ativa com o município ou parcelamento de anos anteriores.

Quem optar por fracionar o imposto poderá quitar os valores em até 9 vezes com pagamento a partir de abril. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone/whats app 3321 13-08 ou ainda pelo e-mail [email protected]

  Com o IPTU em dia o cidadão contribui com a cidade. Conforme a Constituição Federal ele é distribuído da seguinte forma:

• 25% Educação

• 15% Saúde

O restante é dividido em investimentos em diversas áreas, tais como: obras de infraestrutura, pavimentação e asfaltamento de ruas e estradas, iluminação, programas sociais, dentre outros.

Fonte Assessoria imprensa PMCA (Site) Imagem ilustrativa Reprodução PMCA e arquivo

Pinhal Grande adota racionamento de água por causa da estiagem


O Departamento de Água do Município de Pinhal Grande informa que está sendo adotado por alguns dias, períodos de RACIONAMENTO DE ÁGUA.

Tendo em vista o alto consumo e a falta de chuva que estamos vivenciando em nossa cidade, os poços de água (mesmo trabalhando 24 horas por dia), não estão dando conta de armazenar nos reservatórios água suficiente para a demanda.
Desta forma o Departamento de Água do Município informa o desligamento do sistema de SEGUNDA A SEXTA, pela parte da tarde, DAS 14H ÀS 17H.

Da mesma forma solicitamos a população que faça o uso da água somente para aquilo que for necessário.

Fonte Assessoria de Imprensa PMPG
Imagem Ilustrativa reprodução internet

Estado deve licitar 70 concessões de rodoviárias em 2021


Ao longo deste ano, o governo do Estado deve realizar 70 licitações destinadas à concessão de estações rodoviárias de pequeno porte, onde é fundamental a prestação do serviço, mas a arrecadação não é expressiva.  A ação está entre as prioridades do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) – vinculado à Secretaria de Logística e Transportes.

De acordo com o secretário Juvir Costella, a meta é qualificar o transporte intermunicipal de passageiros no interior do Rio Grande do Sul. “É preciso adaptar nossas estações rodoviárias às necessidades de cada região”, ressalta. “Por isso, estamos viabilizando novas concessões para que a população tenha mais conforto e segurança nos serviços”.

Além das estações, também começam a ser licitadas a partir do segundo semestre 120 agências rodoviárias – pontos comerciais para aquisição de passagens e despacho de encomendas. “Nas cidades em que não for viável economicamente um prédio exclusivo para o serviço, devem ser disponibilizadas essas agências, que serão instaladas em lojas, lotéricas e farmácias”, explica o diretor-geral do Daer, Luciano Faustino.

De acordo com o diretor de Transportes Rodoviários do Departamento, Lauro Hagemann, aproximadamente 40 processos destinados a concessão de terminais estão na Central de Licitações do estado e devem ser publicados em breve. “Os novos contratos oferecerão, inclusive, estruturas adequadas a pessoas com deficiência, entre outras melhorias”, salienta.

Hagemann destaca que desde 2018 o Daer está atualizando os contratos de concessão das estações rodoviárias. “Muitos deles eram anteriores à Lei Federal 8.666, de 1993, que estabelece as normas para licitações e contratos administrativos. Reformulamos as exigências dos editais, principalmente para tornar atrativo o investimento na prestação dos serviços e evitar o fechamento precoce de muitos estabelecimentos. Uma delas foi a dispensa do pagamento de outorga para rodoviárias que estão localizadas em municípios de menor porte”, diz.”, diz.

As concessões são válidas por 25 anos, e as permissões das agências rodoviárias por cinco anos. Atualmente, o estado conta com 210 terminais operando por meio de concessões e termos de autorização.

Novas rodoviárias

No ano passado, foram realizadas 45 licitações voltadas a concessão de terminais rodoviários. Dessas, 29 foram desertas – isto é, não tiveram interessados na disputa. “Essa situação atingiu municípios como Marau, Lagoa Vermelha e Panambi, que contarão com a republicação dos editais”, adianta a superintendente de terminais rodoviários do Daer, Luciana Azevedo. “Infelizmente isso acontece nos processos referentes a municípios menores que, durante a pandemia, foram ainda mais impactados pela crise provocada pelo coronavírus, o que gerou uma queda de aproximadamente 40% na movimentação de passageiros”, relata.

A engenheira civil ressalta que 12 licitações contaram com empresas vencedoras: oito delas prevêem mudanças no local da estação rodoviária, sendo que quatro rodoviárias serão instaladas em prédios novos (Tramandaí, São Sepé, Santana do Livramento e Cruz Alta). Já no restante dos processos, a administração ficará a cargo dos antigos permissionários, como é o caso do município de Nova Prata, que conta agora com um novo terminal.

Ainda transcorrem quatro licitações lançadas em 2020, pertencentes aos terminais de Torres, Osório, Erechim e Venâncio Aires. A expectativa é de que os vencedores sejam conhecidos ainda neste semestre.

Clique aqui para acessar os editais das licitações.

Fonte Texto: Liana Ramos Carvalho/DAER/RS

Imagem Ilustrativa Arquivo Daer