Boletins Epidemiológica 05/04: Tupanciretã, Santa Maria

Municípios da região central do Rio Grande do Sul, reforçam as medidas preventivas, conscientização, higienização de modo geral, o empenho de profissionais da saúde, apoio de voluntários, entre outros empenhos no combate ao Coronavírus. Confira algumas cidades da região, com boletins divulgados e atualizados pelos setores de comunicação (Imprensa) dos municípios abaixo relacionados com atualizações … Leia Mais


Secretaria de Desenvolvimento Social de Cruz Alta recebe doação da empresa CCGL

Na manhã desta sexta-feira (03), a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social recebeu mil quilos de leite instantâneo em pó, doados pela empresa CCGL.  O leite será distribuído juntamente com outros alimentos, em forma de cestas básicas, às famílias em situação de vulnerabilidade social inscritas no Cadastro Único para auxiliar no momento de dificuldade agravado pela … Leia Mais



Hospital Universitário de Santa Maria recebe 10 leitos de UTI

– Foto: Assessoria Husm (divulgação) A região central do Rio Grande do Sul passa a contar com mais 10 leitos de UTI para atendimento de Covid-19. Nesta quinta-feira (2), o Governo do Estado entregou ao Hospital Universitário de Santa Maria os equipamentos necessários para uma unidade exclusiva para enfrentamento ao coronavírus. Os equipamentos, enviados pela Secretaria … Leia Mais


UFSM trabalha na implementação testes de diagnóstico para Coronavírus

A Universidade Federal de Santa Maria vem atuando em diversas frentes no combate à pandemia do Covid-19. Entre as ações, está a busca pela implementação de testes de diagnóstico da doença, recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) do Estados Unidos. A iniciativa é uma ação … Leia Mais


Tupanciretã, decreta luto oficial por três dias pelo falecimento do Ex Prefeito


Diante de tantas tribulações que o mundo todo vem passando com o novo Coronavírus, ainda, ao findar desta quarta-feira, dia 1 de abril, o Município de Tupanciretã perde um cidadão muito ilustre, Senhor Miguel Chiapetta Cardoso, conhecido por seu Miguel, que por vezes foi eleito pela comunidade Tupanciretanense como o Prefeito Municipal da Terra da Mãe de Deus.

Veja nota de pesar da Prefeitura Municipal de Tupanciretã:

A Administração Municipal se solidariza com os familiares e decreta luto oficial por três dias, com certeza uma perda irreparável para nosso Município.

 

Fonte e foto Assessoria comunicação PMTupanciretã


Pinhal Grande distribuirá Kit de Alimentação para alunos da rede municipal


A Prefeitura Municipal de Pinhal Grande, por meio da Secretaria Municipal de Educação, esta adotando medidas com o objetivo de viabilizar a refeição que era oferecida nas escolas, sem gerar aglomerações, considerando as medidas de prevenção ao novo coronavírus – COVID-19. Assim, a secretaria distribuirá kits de merenda escolar aos alunos que possuem Cadastro Único através do CRAS do município até a data em que as aulas foram suspensas (19/03/2020), adotando medida do referido critério por orientação legal. Salienta-se que os kits com gêneros alimentícios serão entregues a partir da próxima semana, às famílias dos alunos.
Além do kit, se planeja a entrega de materiais didáticos para os alunos realizarem em ambiente domiciliar, enquanto permanecerem as medidas de prevenção ao Coronavírus, seguindo parecer publicado pelo Conselho Estadual de Educação.

Fonte e foto Assessoria de imprensa da PMPG (Reprodução)


Santa Maria confirma a instalação de 40 leitos clínicos para o Hospital Regional


Está confirmado. Ainda no mês de abril, na corrida para ter leitos de retaguarda para enfrentar os casos de coronavírus, o Hospital Regional de Santa Maria vai passar a oferecer 20 leitos clínicos. Já no começo do mês de maio, outros 20 serão disponibilizados, totalizando 40 novos leitos em operação. As informações foram garantidas, ainda no fim de semana, pelo prefeito de Santa Maria Jorge Pozzobom.

Para que tudo esteja pronto no prazo, as obras de adequações no hospital começaram na última semana. Em 15 dias, o trabalho deve ser concluído, sendo que o mobiliário e os equipamentos para os 20 primeiros leitos já estão garantidos.

“O enfrentamento ao coronavírus está ocorrendo em diferentes frentes. Uma delas é a abertura dos 40 leitos clínicos no Hospital Regional. Estamos fazendo um esforço conjunto neste momento tão delicado”, destacou o chefe do Executivo. 

Ainda de acordo com o prefeito Pozzobom, após a instalação dos leitos clínicos, o Regional também passará a oferecer 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

Todos os esforços e a corrida contra o tempo, de acordo com o prefeito, dá-se pelo fato de que a pandemia deve atingir seu pico a partir de maio. Dessa forma, o Governo Municipal quer estar preparado para o enfrentamento dos casos, garantindo a saúde da população e mais leitos para os atendimentos que se farão necessários.

Para viabilizar a instalação dos leitos, a Prefeitura conta com a parceria do Governo do Estado, do Sindicato da Construção Civil, do Ministério Público Estadual e do Ministério Público Federal. 

A garantia do repasse de R$ 7,2 milhões de recursos públicos que irão viabilizar adequações na estrutura física do Hospital Regional de Santa Maria foi dada ao chefe do Executivo no dia 18 de março. Na oportunidade, o Governo do Estado e o Instituto de Cardiologia – Fundação Universitária de Cardiologia (FUC) assinaram um convênio, na presença do governador Eduardo Leite, do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior e da secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann.

Texto: Maurício Araujo  Fotos: João Alves/Prefeitura Superintendência de Comunicação PMSM


Mais de 350 litros de álcool em gel e líquido foram distribuídos na UFSM no combate ao coronavírus


Na intenção de impedir a proliferação do novo coronavírus (COVID-19), laboratórios da UFSM estão produzindo álcool em gel e líquido 70% para o público da instituição. A fabricação, que vem sendo realizada pela Farmácia Escola da UFSM e pela Usina Piloto de Etanol do Colégio Politécnico, resultou na distribuição do produto no Hospital Universitário (HUSM) e em diferentes centros de ensino. Mais de 350 litros de álcool em gel e líquido 70% já foram doados.

Até a última sexta-feira (27), foram entregues aproximadamente 200 litros de álcool em gel e 100 litros de álcool líquido pela Usina de Etanol do Colégio Politécnico. Segundo o professor de Tecnologia em Gestão Ambiental da UFSM e coordenador da usina, Filipe Donato, estão envolvidos na produção, diariamente, 02 servidores, 01 docente e 01 discente. “Este é um trabalho que já vinha sendo feito, pois, a produção de álcool gel faz parte de um projeto que realizamos em parceria com a Receita Federal. No entanto, se intensificou nos últimos dias devido a situação enfrentada com o coronavírus”, destaca.

Já a Farmácia Escola distribuiu mais de 75 litros de álcool em gel. O trabalho conta com uma extensa rede de apoio, envolvendo diferentes setores como o almoxarifado, outros laboratórios e a Reitoria. “Estamos trabalhando com uma equipe de 4 servidoras farmacêuticas, 1 docente farmacêutica e 1 técnico de laboratório atuando diretamente nas demandas do laboratório”, confirmou a coordenadora do laboratório, Liziane Maahs Flores.

Falta de equipamentos e matérias-primas preocupa os fabricantes do produto

Para continuarem a produção de álcool em gel, a coordenadora da Farmácia Escola explica sobre a necessidade de um componente chamado Carbopol, importante na produção e responsável pela formação do gel no produto. “O Carbopol é o espessante que possibilita a produção do gel. Está em falta no mercado mundial. Estamos empenhados buscando e testando alternativas, outras matérias-primas para substituí-lo”, explica Liziane.

Além disso, o professor Filipe Donato chama a atenção para a necessidade de aquisição de diferentes equipamentos e insumos necessários para o aumento da produção. “Um misturador com maior capacidade, uma envasadora, recipientes para condicionar o produto pronto, além de insumos essenciais”, destaca.

Comunidade pode auxiliar se conscientizando sobre o uso moderado de álcool gel

Farmácia Escola da UFSM trabalha na distribuição de álcool para higienização (Foto: divulgação/Facebook Farmácia Escola UFSM)

O trabalho desenvolvido pela Usina Piloto de Etanol e Farmácia Escola reforça a importância de investimentos nas universidades federais. Os laboratórios pretendem firmar uma parceria e trabalhar em conjunto daqui para frente. A ideia é expandir cada vez mais a produção. Segundo o professor Filipe Donato, a pretensão é também fornecer álcool em gel e líquido para alunos da Casa do Estudante (CEU).

A coordenadora da Farmácia Escola destaca a importância da não exposição ao vírus e da conscientização na hora de utilizar o álcool em gel. “A higiene frequente das mãos, de maneira adequada, com água e sabão, é fundamental para evitar viroses em geral. Quando a água e sabão não estiverem disponíveis ou em situações especiais como ambientes hospitalares, devemos usar um desinfetante para as mãos que contenha pelo menos 70% de álcool. Já para a limpeza dos ambientes, o hipoclorito também pode ser considerado”.

Já o professor e responsável pela Usina do Colégio Politécnico salienta sobre a adoção de medidas para conter a proliferação do vírus: “Engajamento tanto da comunidade acadêmica como da comunidade em geral, desde a difusão de informações sobre cuidados de higiene e distanciamento social, quanto a utilização de álcool gel, tendo em vista a eficácia da sua utilização como medida preventiva”.

UFSM recebe doação de egresso para produção de álcool em gel

Na manhã de sábado (28), a UFSM recebeu uma carga de 2000 litros de álcool, que será transformado em álcool em gel, e 4,25 toneladas de químicos, que serão utilizados para realizar a sanitização de áreas do Hospital Universitário de Santa Maria (HUSM) e do Campus da UFSM.

A doação foi realizada pelo ex-aluno do curso de Engenharia Química da UFSM, José Valter, sócio proprietário da Indústria BTA Aditivos, com sede na cidade de Xanxerê-SC e viabilizada através de articulação de diversos servidores da Universidade. Com a doação, a previsão é de que tanto a Usina Piloto quanto a Farmácia Escola distribuam uma nova leva.

Reportagem: Eloíze Moraes, bolsista da Agência de Notícias da UFSM
Edição: Davi Pereira, jornalista da Agência de Notícias da UFSM
Colaboração: Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor
Fotografias: Rafael Happke e Divulgação/Facebook da Farmácia Escola UFSM


IFFar vai produzir álcool gel e doar materiais ao sistema público de saúde


O Comitê Institucional de Emergência do IFFar (CIE) realizou sua segunda reunião semanal na última sexta-feira (27). Entre as deliberações, está a produção de álcool gel e a doação de materiais ao sistema público de saúde e a criação de um Comitê de Saúde Mental e Qualidade de Vida. O CIE também reafirmou a manutenção das atividades acadêmicas remotas para todos os cursos do IFFar.

segundareuniaocie

O Instituto Federal Farroupilha vai produzir álcool gel 70% nos laboratórios dos campi Alegrete e São Vicente do Sul, e máscaras de proteção para profissionais de saúde no campus Santa Rosa. Uma parte dos materiais será utilizada pela própria instituição, garantindo um estoque mínimo em cada uma das unidades. O restante será doado ao sistema público de saúde, que também receberá doações de álcool, máscaras e luvas dos estoques hoje existentes nos campi.

Durante a reunião, também foi aprovada a utilização dos laboratórios do IFFar por entidades públicas de saúde para a produção de insumos.

O Comitê de Saúde Mental e Qualidade de Vida em tempos de Covid-19 (nome dado a doença causada pelo novo Coronavírus) terá como membros psicólogos e servidores do IFFar. A criação do comitê foi proposta na primeira reunião do CIE, considerando os efeitos que o isolamento social pode ter na saúde física e mental da comunidade acadêmica.

O CIE também discutiu sobre a situação da pandemia em cada município onde o IFFar tem unidade. Até a data de publicação desta notícia, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul, havia 241 casos de Covid-19 confirmados no Estado. Nas cidades onde o IFFar tem unidade, existiam dois casos em Santa Maria, um em Santa Rosa e um em Santiago. Os números oficiais podem ser acessados no site da Secretaria de Saúde do RS.

Atividades acadêmicas remotas do IFFar serão mantidas

O Comitê Institucional de Emergência do IFFar (CIE) também reafirmou a manutenção das atividades acadêmicas remotas para todos os cursos. A manifestação se deu em resposta a um questionamento enviado por alguns professores sobre a pertinência e a viabilidade de se manter à distância o funcionamento de cursos presenciais.

De acordo com o Comitê, a medida se dá em caráter emergencial e não se trata “em hipótese alguma, de Educação a Distância no sentido de Modalidade de Ensino”. As atividades acadêmicas a distância a serem realizadas no período de suspensão das atividades presenciais, de acordo com o CIE são comparáveis aos Estudos Domiciliares. A medida também está amparada pelas portarias nº 343/2020 e nº 345/2020 do Ministério da Educação.

Na última sexta-feira (27), o IFFar disponibilizou um repositório contendo documentos, manuais e orientações para auxiliar alunos e professores a utilizarem o Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas do IFFar (SIGAA) e a desenvolverem as atividades remotas. No mesmo dia, a Pró-Reitoria de Ensino emitiu novas orientações sobre a realização de atividades de ensino durante o período de suspensão das atividades presenciais.

Suspensão das atividades presenciais do IFFar – A suspensão das atividades presenciais do IFFar foi definida durante reunião do Colégio de Dirigentes (Codir) no dia 16 de março. Inicialmente previsa para durar três semanas, a suspensão das atividades acadêmicas presenciais passou a ter duração intedeterminada após reavaliação da situação da epidemia, no dia 20 de março. As principais informações institucionais sobre o tema estão sendo publicadas no endereço http://www.iffarroupilha.edu.br/coronavirus.

Comitê Institucional de Emergência do IFFar – o comitê foi criado pela Portaria nº 314/2020. Cabe ao CIE a gestão das ações de enfrentamento à Covid-19 no âmbito do IFFar enquanto perdurar a pandemia. É formado pela reitora, pró-reitores, diretores de campi, coordenadores de Centros de Referência, representantes dos setores de saúde, discentes e Secretaria de Comunicação do IFFar.

Fonte: Secom IFFar (Site)