Vídeo: Papa Francisco completa 82 anos

Passaram-se 82 anos desde o 17 de dezembro de 1936, dia do nascimento em Buenos Aires de Jorge Mario Bergoglio. Filho de emigrantes piemonteses, quando criança dizia que gostaria de ser açougueiro, como recordou ao responder a pergunta de uma criança em 31 de dezembro de 2015. Ele também tem uma paixão pelo canto, nascido … Leia Mais


Galaxy S10 deve ter “buraco” na tela menor do que o do Galaxy A8s

Ice universe@UniverseIce Galaxy S10 protective film, this Hole is smaller than the Galaxy A8s,S10 only a 6.1-inch 19:9 ratio, it seems that the S10 is as small as the S8, one-handed operation is not difficult. 953 12:45 – 16 de dez de 2018 157 pessoas estão falando sobre isso  Informações e privacidade no Twitter Ads … Leia Mais



Semana reforça importância da doação de medula óssea

Medula produz os componentes do sangue: as hemácias, os leucócitos e as plaquetas – Foto: Divulgação/Ican Ações de esclarecimento e a conscientização feitas por organizações privadas e públicas serão reforçadas desta sexta-feira (14) até 21 de dezembro com a Semana de Mobilização Nacional para Doação de Medula Óssea. A intenção é tornar mais fácil a chance de quem precisa de … Leia Mais



Homem invade missa, mata quatro e comete suicídio na Catedral de Campinas


Informações Por G1 Campinas e Região

Tiroteio na Praça da Catedral Metropolitana deixou mortos e feridos em Campinas

Tiroteio na Praça da Catedral Metropolitana deixou mortos e feridos em Campinas

Um homem matou quatro pessoas e deixou outras três feridas após invadir uma missa na Catedral Metropolitana, no Centro de Campinas (SP), na tarde desta terça-feira (11), segundo o Samu e os Bombeiros. O suspeito pelos disparos na igreja, de acordo com as corporações, cometeu suicídio em seguida.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o suspeito teria entrado na Catedral com uma pistola e um revólver calibre 38, se matado em frente ao altar após os crimes.

As vítimas fatais não foram identificadas e a polícia investiga a motivação do crime. A princípio, a informação recebida pela EPTV é de que houve um assalto antes do tiroteio, mas autoridades negaram.

Crime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTVCrime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Crime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Equipes do Samu e dos Bombeiros foram enviadas ao local, por volta das 13h20. A informação inicial é de que uma mulher de 65 anos, com ferimentos na região da cervical, foi levada ao Hospital Mário Gatti; enquanto que outra, de 40 anos, foi levada ao Hospital de Clínicas da Unicamp.

A terceira vítima também estaria em estado estável, segundo o Samu, mas não há informações sobre para qual unidade ela deve ser encaminhada. O entorno da Catedral está isolado e câmeras de monitoramento da CinCamp registraram a movimentação na área.

Vítimas são atendidas pelo Samu e Bombeiros, na Catedral — Foto: Johnny Inselsperger / EPTVVítimas são atendidas pelo Samu e Bombeiros, na Catedral — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Vítimas são atendidas pelo Samu e Bombeiros, na Catedral — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Suspeito matou quatro pessoas e praticou suicídio, em Campinas — Foto: Reprodução/EPTVSuspeito matou quatro pessoas e praticou suicídio, em Campinas — Foto: Reprodução/EPTV

Suspeito matou quatro pessoas e praticou suicídio, em Campinas — Foto: Reprodução/EPTV

Por G1 Campinas e Região

 

Tiroteio na Praça da Catedral Metropolitana deixou mortos e feridos em Campinas

Tiroteio na Praça da Catedral Metropolitana deixou mortos e feridos em Campinas

Um homem matou quatro pessoas e deixou outras três feridas após invadir uma missa na Catedral Metropolitana, no Centro de Campinas (SP), na tarde desta terça-feira (11), segundo o Samu e os Bombeiros. O suspeito pelos disparos na igreja, de acordo com as corporações, cometeu suicídio em seguida.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o suspeito teria entrado na Catedral com uma pistola e um revólver calibre 38, se matado em frente ao altar após os crimes.

As vítimas fatais não foram identificadas e a polícia investiga a motivação do crime. A princípio, a informação recebida pela EPTV é de que houve um assalto antes do tiroteio, mas autoridades negaram.

Crime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTVCrime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Crime ocorreu na tarde desta terça-feira, em Campinas — Foto: Johnny Inselsperger / EPTV

Equipes do Samu e dos Bombeiros foram enviadas ao local, por volta das 13h20. A informação inicial é de que uma mulher de 65 anos, com ferimentos na região da cervical, foi levada ao Hospital Mário Gatti; enquanto que outra, de 40 anos, foi levada ao Hospital de Clínicas da Unicamp.

A terceira vítima também estaria em estado estável, segundo o Samu, mas não há informações sobre para qual unidade ela deve ser encaminhada. O entorno da Catedral está isolado e câmeras de monitoramento da CinCamp registraram a movimentação na área.

Fonte


Candidatos têm até esta sexta (7) para confirmar vaga no curso Técnico Integrado em Comércio – Proeja, no Iffar/Campus Júlio de Castilhos


Os candidatos classificados em 1ª chamada no Processo Seletivo do Curso Técnico Integrado em Comércio, na modalidade Proeja tem até esta sexta-feira 07, sexta-feira para confirmar a vaga.

A confirmação de vaga é realizada na Coordenação de Registros Acadêmicos (prédio administrativo) do Campus IFFar Júlio de Castilhos

Para mais informações, acesse https://goo.gl/7sv6Bx.

Fonte ASCOM IFFar J.Castilhos


Resultado do Enem 2018 sairá em 17 de Janeiro


Se você é um dos mais de 6 milhões de participantes que nos dias 4 e 11 de novembro realizaram as provas do Enem 2018 – Exame Nacional do Ensino Médio e está ansioso para saber qual foi o seu resultado no maior teste de conhecimentos do Brasil aplicado pelo Ministério da Educação – MEC, deve aguardar até o dia 17 de janeiro de 2019, quando está previsto para que o resultado esteja disponível para consulta.

O resultado do Enem 2018 pode ser usado nos principais processos seletivos que acontecerão em 2019 para quem deseja ingressar no ensino superior, como SISU, ProUni e Fies.

Como é calculado o resultado do Enem 2018

Resultado do Enem 2018 será divulgado 18 de janeiro

O resultado do Enem 2018 será calculada com a soma das médias das notas das provas de conhecimentos (Ciências da Natureza, Ciências Humanas, Linguagens e Códigos, Matemática) e da prova de redação.

O INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira é o órgão responsável por aplicar as provas do Enem e utiliza o  método de correção nas provas de conhecido como TRI Teoria de Resposta ao Item. Já a correção da prova de redação é realizada por dois corretores e por um terceiro se houver discrepância entre as notas dos dois primeiros.

Resultado do Enem 2018 para conseguir vagas no ensino superior

O principal objetivo dos participantes do Enem 2018 é conseguir uma vaga uma vaga em cursos de nível superior ou até mesmo obter crédito para quitar o valor de mensalidades em instituições privadas de ensino.

O MEC utiliza as notas do Enem nos processos seletivos do:

Sistema de Seleção Unificada – SISU que seleciona as melhores notas do Enem 2018 para ocupar vagas de cursos de graduação superior em instituições públicas de ensino. O período de inscrições do SISU 2019 será conhecido após a divulgação do resultado do Enem. As inscrições poderão ser realizadas no endereço eletrônico do programa.

Programa Universidade para Todos – ProUni que também utiliza as notas do Enem em seu processo seletivo. Os participantes do Enem 2018 que realizarem inscrição para o processo seletivo do ProUni concorrerão a bolsas de estudos parciais ou integrais para cursos de graduação em instituições privadas de ensino superior. São realizados dois processos seletivos, o primeiro processo seletivo do ProUni acontece ainda no primeiro semestre de 2019.

Fundo de Financiamento Estudantil – Fies  destinado a estudantes que já estejam matriculados em cursos de graduação em instituições privadas de ensino e desejam contratar um financiamento para custear as mensalidades de seus cursos. Para participar do processo seletivo do Fies os estudante deve ter participado anteriormente de alguma edição do Enem.

Passo a passo para consultar o resultado do Enem 2018

O resultado do Enem 2018 após a divulgação poderá ser consultado na página do participante através do endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br/participante.

Para realizar a consulta o participante deve:

  1. Acesse a página oficial do Enem 2018. Basta clicar no link acima

  2. Digite o número do seu Cadastro de Pessoa Física – CPF

  3. Digite a senha cadastrada quando realizou a inscrição para o Enem 2018

  4. Escolha a figura de segurança

  5. Consulte sue resultado do Enem 2018

Caso tenha esquecido qual foi a senha cadastrada para participar do Enem 2018, basta  recuperá-la na própria Página do Participante clicando na opção “Recuperar Senha”.

Resultado do Enem 2018 para Treineiros

Treineiros são os estudantes que não irão concluir o ensino médio em 2018, mas desejam testar os conhecimentos escolares para no futuro realizar o Exame sem maiores dificuldades.

A prova do Enem 2018 para os Treineiros foi idêntica a dos demais participantes. A diferença está apenas no resultado, que será divulgado após os dos demais.

De acordo ao Cronograma Oficial do Enem 2018, o resultado dos Treineiros será divulgado em março de 2019.

Saiba mais sobre o resultado do Enem 2018 na nossa página do Facebook. Visite, curta e compartilhe.

Fonte Portal Enem


Levantamento alerta para infestação do Aedes aegypti em 93 cidades do RS


Um total de 305 municípios do estado realizou no último mês o quarto Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa) e o Levantamento de Índice Amostral (LIA) do ano. A análise aconteceu nas cidades consideradas infestadas pelo mosquito. Pelo método, 93 cidades do RS possuem infestação em situação de alerta ou risco alto, o que representa que ao menos 1% dos imóveis vistoriados apresentava focos de larvas do inseto, que é o transmissor da dengue, zika e chikungunya. Somados, esses municípios representam uma população de 3,3 milhões de pessoas (ou 29,4% do estado). O fato reforça as ações preconizadas pela Secretaria Estadual da Saúde (SES) nesta época do ano, já que o Aedes tem sua circulação intensificada no verão, em virtude da combinação da temperatura mais quente e chuvas.

 Apresentação Coletiva Dia D Aedes (.pdf 948,39 KBytes)

Com base nas informações coletadas nos levantamentos, o gestor pode identificar os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito, bem como o tipo de depósito onde as larvas foram encontradas. O objetivo é que os municípios tenham melhores condições de fazer o planejamento das ações de combate e controle do Aedes aegypti. O secretário estadual da Saúde, Francisco Paz, avaliou o que os números indicam. “Quanto maior o índice de infestação, mais risco há de surto das doenças transmitidas pelo mosquito.”

Cento e oitenta e duas cidades gaúchas não são consideradas infestadas pelo Aedes e, por isso, não realizam o LIRAa. Entre as que realizaram o levantamento, 212 apresentaram índice satisfatório, quando é inferior a 1%. Por outro lado, 84 foram consideradas em situação de alerta (índice entre 1% e 3,9%). Outras nove tiveram índice superior a 3,9%, considerado de risco alto. Estão concentrados no Norte e Noroeste do estado. São eles: Ajuricaba, Garruchos, Nonoai, Santo Antônio das Missões, Santo Cristo, São Borja, São Nicolau, Três de Maio e Vista Gaúcha. Nove cidades com infestação não apresentaram os resultados do LIRAa.

Nas duas primeiras versões do método, realizadas no primeiro semestre do ano, os índices estavam em situação pior. No primeiro, eram 93 municípios em situação de alerta e 65 em risco alto, enquanto na segunda edição passaram a 105 e 33, respectivamente. No terceiro, realizado no inverno, os registros baixaram, o que é esperado já que a circulação do Aedes reduz em virtude da queda das temperaturas, chegando assim a apenas 21 municípios em alerta e nenhum como risco alto.

Obs.: Porto Alegre realiza um levantamento paralelo por meio do Índice Médio de Infestação de Fêmeas Adultas (IMFA), a partir do monitoramento de 1.218 armadilhas em 42 bairros da cidade. Em outubro, esse índice foi de 0,06.

Lista completa de municípios – LIRAa novembro 2018 (.pdf 376,85 KBytes)

Júlio de Castilhos, na lista dos municípios, consta com risco no nível “Satisfatório”, Índice de Infestação Predial (IIP)de 4,0

Crescimento de municípios infestados

O Rio Grande do Sul registra hoje o maior número de municípios considerados infestados pelo Aedes aegypti na série histórica iniciada em 2000. São 315 cidades, que abrangem aproximadamente 86% da população do estado (ou 9,7 milhões de pessoas). Um município é considerado infestado quando registra a presença de focos de larvas nas atividades de vigilância do vetor, realizadas com armadilhas distribuídas em locais estratégicos, como ferros-velhos, borracharias, cemitérios, entre outros. Após ingressar na lista, ele só sai depois de passar um período de 12 meses sem voltar a encontrar focos do inseto.

Ao longo deste ano, foram 69 municípios que passaram à condição de infestados. Enquanto em 2017 foram 39 que entraram na lista. Nenhuma cidade saiu da situação no período.

Situação epidemiológica

O Rio Grande do Sul não apresenta, até o momento, casos de dengue autóctones (contraídos dentro do estado). Até o último dia 17, foram registrados apenas 21 casos importados em residentes gaúchos que foram contaminados fora do RS. Já em relação ao vírus chikungunya, foram confirmados no período 11 casos autóctones em Santiago, além de outros oito casos importados distribuídos em oito cidades. Quanto ao zika, não houve caso confirmado no RS no ano.

Dengue

Casos autóctones 0
Casos importados 21

Febre chikungunya

Casos autóctones 11
Casos importados 8

Zika vírus

Casos autóctones 0
Casos importados 0

* Até Semana Epidemiológica 46 (17 de novembro)

Medidas de prevenção contra o mosquito

A transmissão da dengue, zika e chikungunya ocorre pela picada do Aedes aegypti. A diretora do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), Marilina Bercini, destaca que o baixo registro de casos não deve ser visto como desmobilização. “Temos que nos preparar para o verão e prevenir que não tenhamos surtos dessas doenças”, salientou.

O mosquito tem em média menos de 1 centímetro de tamanho, é escuro e com riscos brancos nas patas, cabeça e corpo. Para se reproduzir, ele precisa de locais com água parada. Por isso, o cuidado para evitar a sua proliferação busca eliminar esses possíveis criadouros, impedindo o nascimento do inseto. Entre as medidas, recomenda-se:

– Tampar caixas d’água, tonéis e latões;

– Guardar garrafas vazias viradas para baixo;

– Guardar pneus sob abrigos;

– Não acumular água nos pratos de vasos de plantas e enchê-los com areia;

– Manter desentupidos ralos, canos, calhas, toldos e marquises;

– Manter lixeiras fechadas;

– Manter piscinas tratadas o ano inteiro.

Campanha de mídia verão 2018/2019

Entre dezembro de 2018 e fevereiro de 2019, a Secretaria Estadual da Saúde estará com uma campanha de mídia de combate ao Aedes aegypti com o conceito “Você sabe onde mora o perigo. Acabe com ele.” O período de veiculação abrange o verão, que é quando o mosquito tem sua circulação intensificada. A proposta busca chamar a atenção da população quanto a cuidados simples em suas casas e pátios, diminuindo e evitando potenciais recipientes de água parada, que é onde o inseto deposita suas larvas. Como esses locais já são conhecidos por muitos, a campanha tem por objetivo reforçar a proatividade da população.

A estratégia contará com peças em rádio de Porto Alegre e interior, mídias externas em outdoors e em displays de carregamento de celulares que serão instalados em restaurantes da capital, além dos canais de mídias da Trensurb, rodoviária, catamarã e aeroporto. Nas redes sociais a campanha estará presente no Facebook e Instagram com postagens de vídeos e imagens. Além disso, o Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs) fará a distribuição de 25 mil materiais gráficos com informações de combate ao mosquito.

Texto: Ascom SES/RS


Viaduto em S.Maria recebe pintura com nomes das vítimas da tragédia na Kiss


AVTSM / Divulgação

 

Nomes das 242 vítimas do incêndio foram pintados no painelAVTSM / Divulgação

Uma pintura em 78 metros no viaduto Evandro Behr, na Rua do Acampamento, no centro de Santa Maria, homenageia as 242 vítimas do incêndio na boate Kiss. O painel começou a ser pintado em 10 de novembro e, no último sábado (24), recebeu o nome dos jovens mortos na tragédia.

As imagens foram ilustradas por alunos do curso de Artes Visuais da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) em parceria com a associação dos familiares das vítimas e sobreviventes daquela madrugada de 27 de janeiro de 2013. O viaduto passa sob a tenda onde os familiares se reúnem semanalmente para que a tragédia não seja esquecida. 

— Para nós, essa pintura representa um reconhecimento dos próprios jovens, no sentido de fazer algo para que a tragédia não caia no esquecimento e para que os nossos filhos que perderam suas vidas naquele trágico dia 27 sejam homenageados — reitera o vice-presidente da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM), Flávio da Silva.

Divulgação / AVTSM

Imagens foram ilustradas por alunos do curso de Artes Visuais da UFSMDivulgação / AVTSM

Conforme Silva, a pintura foi um pedido da própria (AVTSM) ao curso de Artes Visuais. Todo o material usado no trabalho foi obtido por meio de doações:

— Tinha um grafite antigo no local que estava muito prejudicado, já tinham feito pichações por cima. Aí, nós pensamos em fazer algo diferente ali e, por isso, procuramos o curso de Artes Visuais para firmarmos uma parceria. Pedimos o que queríamos e deixamos eles à vontade para criar em forma de homenagem. 

Uma das imagens principais do painel é o desenho da Pietá– obra de Michelangelo que retrata a Virgem Maria de luto após a morte do seu filho Jesus. Um dos estudantes que participou da pintura, Yago Gustavo Silva de Lima explica que os estudantes foram divididos em grupos para realizarem os desenhos que tinham como objetivo principal transmitir, mesmo em meio ao sentimento de dor, uma atmosfera de positividade por meio das ilustrações. Como estratégia para isso, foram utilizadas diferentes cores e desenhos:  

— Além da imagem de Pietá, usamos desenhos de muitas flores e também de um sol e de pássaros. O painel ainda faz uma metáfora com desenhos de pessoas que estariam no céu sorrindo — destaca.

No dia 10 de novembro, quando foi realizada a maior parte da pintura, cerca de 26 estudantes e o coordenador do curso participaram da ação. No último sábado, quando foram escritos os nomes das 242 vítimas com giz de cera, cerca de seis estudantes deram continuidade ao trabalho. Agora, no próximo sábado (1º), os nomes serão finalizados com tinta. 

Nesta terça-feira (27), a tragédia na boate Kiss completa cinco anos e 10 meses. Atividades na tenda dos familiares, na Praça Saldanha Marinho, estão previstas para relembrar a data.

Fonte Portal GaúchaZH Santa Maria